Inovadores do Mundo Real

Google, Bosch e AES se reúnem com “Inovadores do Mundo Real”, em evento do CSEM Brasil. Centro de Pesquisa comemora 10 anos e reúne players de inovação no Museu do Amanhã.

Salão do CSEM. Foto: Divulgação

Adaptar modelos de negócio, importar iniciativas internacionais e se inserir no ecossistema brasileiro de inovação. Foi o que fez o CSEM Brasil, que vai celebrar os seus 10 anos de atuação em um dia de troca de experiências, debate e inspiração no Museu do Amanhã. O evento, chamado "Inovadores do Mundo Real", no dia 17 de outubro, promoverá o encontro com líderes de grandes empresas, como Google, Bosch, AES, EMBRAPII e Endeavor, para expor suas percepções em relação às oportunidades e aos desafios do processo de inovação tecnológica no Brasil. O objetivo é criar conexões entre diversos setores e instituições, e promover a inovação e a competitividade na indústria brasileira.

“Construímos um centro de pesquisa 100% brasileiro, padrão internacional. Criamos e desenvolvemos soluções a partir da demanda e desafios vivenciados pelos clientes, buscando diferenciação e competitividade. São motivos de sobra para comemorar e fomentar a inovação”, afirma Tiago Alves, presidente do CSEM Brasil.

Segundo Luiz Alberto Oliveira, curador do Museu do Amanhã, o trabalho do CSEM é mudar as perspectivas do mundo. “No Brasil, o desafio agora é democratizar as tecnologias sustentáveis, para que o país se posicione junto aos demais líderes mundiais que têm esse tema como prioridade”, afirma.

O Museu do Amanhã, por sua natureza, foi o primeiro a adotar a tecnologia. O espaço possui uma árvore de captação solar doada pela CSEM e revestida com OPV, um material orgânico, capaz de captar a radiação e convertê-la em energia. A OPTree, como foi batizada, é utilizada para carregar dispositivos móveis. “Queremos que o Brasil seja um incentivador de ideias, viabilizando-as e fazendo com que sejam utilizadas”, defende Alves.

A OPTree também está presente em outros locais do país, como na sede da construtora MRV, em Belo Horizonte, e no Largo da Batata, em São Paulo.

Destaques da programação

Além da presença do inventor e visionário Arturo Vittori, serão apresentados cases de sucesso da indústria, mesa redonda sobre inovação com os principais players da área e um panorama sobre inovação no mercado de capitais.

O “Inovadores” traz tudo isso sob uma perspectiva de networking e parcerias estratégicas, entre governo, indústria e centros de pesquisa - a tríplice hélice. Afinal, essa já é uma característica do mercado brasileiro: 54% das companhias nacionais realizam parcerias estratégicas com outras instituições, contra 45% da média internacional.

Tecnologia a serviço da humanidade: Arturo Vittori e Warka Water

Arturo Vittori é um arquiteto visionário, que já trabalhou em projetos da Nasa e da Airbus, além de designer, artista e o inventor de uma tecnologia revolucionária, o Warka Water. Desenvolvido para levar água potável para regiões desertas e carentes, o Warka é uma torre feita de bambu que capta o vapor d’água atmosférico e o torna próprio para consumo. Hoje, ele se se reinventa com uma inovação brasileira: os painéis solares orgânicos do CSEM Brasil, com potencial energético capaz de prover soluções de iluminação, wi-fi, energizar computadores, geladeiras para remédios, projetores usados para aulas, etc. Com Warkas instaladas na Etiópia, o projeto busca ampliar sua atuação em locais como Haiti, Madagascar, Colômbia, Índia, Nepal e muitos outros.

Modelos inovadores: Google Campus e CSEM Suíça

Palestrantes como Andre Barrence, da Google, e Georges Kotrotsios, do CSEM Suíça, traduzem modelos inovadores e comentam sobre sua experiência. Barrence como diretor do Google Campus São Paulo, co-fundador e ex-diretor do SEED, um dos maiores programas de aceleração de startups do país, e Kotrotsios como diretor do CSEM na Suíça, comenta o modelo número 1 em inovação no mundo.

Trajetória e futuro: CSEM Brasil e SUNEW

Tiago Alves, CEO do CSEM Brasil, conta como a empresa atuou com mais de 100 milhões investidos em projetos em seus 10 anos de existência, trabalhando com multinacionais líderes em seus segmentos. O evento ainda traz o case da SUNEW, startup que já nasceu com a maior e mais moderna linha de produção de painéis solares orgânicos (OPV) do mundo. A tecnologia do OPV, desenvolvida pelo CSEM Brasil, é considerada a próxima geração em energia solar, com menor pegada de carbono e potencial para ser 30 vezes mais barata do que os painéis de silício como temos hoje. A sustentabilidade econômica encontra a ambiental nesta palestra, resolvendo grandes problemas através da inovação.

Ecossistema de inovação do Brasil: Mesa redonda e panorama sobre investimentos

A mesa redonda traz nomes como Paulo Rocca, Vice-Presidente da Bosch, Juliano Seabra, Diretor Geral da Endeavor, e Carlos Eduardo Pereira, Diretor de Operações da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII), além de profissionais da AES, multinacional do setor de energia, e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

O tema da inovação no mercado de investimentos é trazido pelo Sócio e CEO da FIR Capital, David Travesso, que já atuou na Vice-Presidência Executiva da CEMIG, como Diretor Executivo da Companhia de Gás de Minas Gerais (Gasmig) e na Vice-Presidência da AES Eletropaulo.

Símbolo de inovação: Museu do Amanhã

O evento ainda conta com uma palestra e uma visita ao Museu do Amanhã, com seu curador Luiz Alberto de Oliveira.

Programação

09:00 - 10:15: Welcome Coffee & Networking
10:15 - 10:30: Provocação e Origem | Tiago Alves (CSEM Brasil)
10:30 - 11:00: Resolvendo Grandes Problemas por Meio da Inovação | (ANPEI) e Irece Kauss (BNDES)
11:00 - 11:30: Inovação e Mercado de Capitais | David Travesso (FIR Capital)
11:30 - 12:00: Traduzindo um Modelo Empresarial Inovador no Contexto Brasil | André Barrence (Google)

Almoço e Visita ao Museu do Amanhã

14:00 - 14:30: O Amanhã Hoje: O Museu do Amanhã a Partir da Perspectiva de seu Curador | Luiz Alberto Oliveira (Museu do Amanhã)
14:30 - 15:00: O Modelo Suíço de Inovação: Número 1 no Mundo | Georges Kotrotsios (CSEM Suíça)
15:00 - 16:30: Mesa Redonda: Inovação 360° | Endeavor Brasil, Embrapii, Bosch, AES, CNI
16:30 - 17:30: Inovação e Sustentabilidade para Mudar o Mundo | Arturo Vittori (Nasa, Airbus, Warka Water)
17:30 - 18:00: Encerramento | Tiago Alves (CSEM Brasil)

CURRÍCULO DOS PALESTRANTES

Arturo Vittorio- Arquiteto italiano, designer e artista. É co-fundador e presidente da Warka Water, diretor do estúdio Architecture and Vision e fundador da marca de moda Culture A Porter. Arturo tem experiência em arquitetura aeroespacial, transferência de tecnologia e sustentabilidade. Formado em arquitetura pela University of Florence, Arturo já trabalhou em empresas como Airbus e Future Systems.

Irece Kauss - Chefe do Departamento responsável pelo fomento, estruturação, avaliação e negociação de contratos e acompanhamento de toda as TICs (Tecnologia da Informação e Conhecimento) brasileiras. Formada em engenharia de produção pela UERJ, tem pós-graduação em Desenvolvimento Econômico e Social pela UFRJ e mestrado em finanças pela PUC-Rio. Trabalhou no setor financeiro e industrial antes de ingressar no BNDES há 13 anos. No BNDES, concentrou sua carreira no apoio ao setor de TI e Telecom.

David Travesso - Sócio e CEO da FIR Capital, atuou na Vice-Presidência Executiva da CEMIG, como Diretor Executivo da Companhia de Gás de Minas Gerais (Gasmig) e na Vice-Presidente da AES Eletropaulo. Foi membro dos Conselhos de Administração da CEMIG, da Light Serviços de Eletricidade S/A, da AES Eletropaulo, da Eletronet, da Empresa de Geração Tietê,entre outras. É membro do Conselho de Administração de várias empresas e da Fundação Biominas.

Tiago Maranhão Alves - CEO do CSEM Brasil e Sócio da FIR Capital, atuou em empresas de alta tecnologia e inovação como IBM, BellSouth, Claro e ARM. É membro dos Conselhos de Administração da FIR Capital e do Instituto Hartmann Regueira e Presidente do Conselho de Administração da SUNEW. Formou-se em Engenharia Eletrônica pela UFPE, cursou Mestrado em Marketing na UFPE e tem MBA pela Universidade de Cambridge.

Georges Kotrotsios - Diretor e Vice-Presidente de Desenvolvimento de Negócios e Marketing do CSEM (Suíça) e membro do Conselho de Administração do CSEM Brasil. Formado em Engenharia Elétrica pela Aristotle University of Thessaloniki (Grécia), possui Ph.D. em Optoeletrônica pelo Institut National Polytechnique de Grenoble (França) e MBA em Gestão de Tecnologia pela Universidade de Lausanne (Suíça). É membro do Conselho da Earto (European Association of Research and Technology Organisations).

André Barrence - Diretor do Google Campus São Paulo, co-fundador e ex-diretor do SEED - Startups and Entrepreneurship Ecosystem Development, um dos maiores programas de aceleração de startups do país. Além disso, André Barrence foi Diretor Presidente do Escritório de Prioridades Estratégicas do Governo do Estado de Minas Gerais. Graduado em Administração Pública (Fundação João Pinheiro) e Direito (UFMG), Mestre em Gestão e Governança pela London School of Economics and Political Science.

Luiz Alberto Oliveira - Curador do Museu do Amanhã, foi editor científico do Programa “Globo Ciência” e consultor do Canal Futura de Tele-educação. Luiz Alberto Oliveira é professor convidado da Escola de Comunicação da UFRJ, da Escola de Artes Visuais do Rio de Janeiro e da Sociedade Brasileira de Psicanálise do Rio de Janeiro. Físico, doutor em Cosmologia e pesquisador do Instituto de Cosmologia, Relatividade e Astrofísica (ICRA-BR) do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF/MCTI).

Carlos Eduardo Pereira - Diretor de Operações da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII). Carlos Eduardo Pereira é Professor Titular do Departamento de Engenharia Elétrica da UFRGS e membro da Federação Internacional de Controle Automático – IFAC. Graduado em Engenharia Elétrica e mestre em Ciências da Computação, ambos pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS e doutor em Engenharia Elétrica pela Universidade de Stuttgart da Alemanha.

Juliano Seabra - Diretor Geral da Endeavor, organização que também já ocupou o cargo de diretor de Educação e Pesquisa. Juliano Seabra foi Diretor Executivo da Prospectiva, consultoria especializada em negócios internacionais e políticas públicas. Tem mestrado em administração pública e governo pela FGV-EAESP, é especialista em gestão de negócios e operações pelo Insper e graduado em Relações Internacionais pela PUC-SP.

Paulo Rocca - Vice-Presidente da Bosch, onde também já atuou como diretor responsável por projetos de soluções integradas para a América Latina. Há mais de 20 anos na empresa, Paulo Rocca foi Vice-Presidente de Compras, Logística, Qualidade e Desenvolvimento de Fornecedores. Graduado em Engenharia Mecânica pela Universidade Presbiteriana Mackenzie.

Voltar