Renova investiu no comércio

Cerca de R$ 127 milhões são investidos em contratos com empresas de Mariana. Empresários interessados em prestar serviços para a Fundação Renova devem se cadastrar para concorrer aos contratos. Atualmente, 95 empresas de Mariana prestam algum tipo de serviço à Fundação Renova, como parte do programa de estímulo à contratação local de fornecedores. Implantado em julho do ano passado, o projeto gerou, desde então, R$ 2,6 milhões em ISS (Imposto sobre Serviços) para os cofres municipais, além de investimentos de R$ 127 milhões por parte da Fundação nos mais variados setores.

Capacitação e desenvolvimento dos fornecedores. Foto: Fundação Renova

O projeto reafirma o compromisso com o fortalecimento econômico das cidades atingidas, apoiando o desenvolvimento dos empreendedores. Como parte da política de contratação de fornecedores locais, a Fundação Renova criou o Dia do Fornecedor, em que toda quinta-feira, entre às 14h e às 17h, os empresários locais podem comparecer ao escritório da Fundação, localizado à rua Antônio Pacheco, 601, no bairro São Pedro, para esclarecer suas dúvidas ou realizar o cadastramento.

É importante ressaltar que os processos são concorrenciais e sempre será contratado o melhor preço. Além disso, os fornecedores precisam ter capacidade técnica e saúde financeira. Com esses requisitos, os interessados também podem acessar o site oficial da Fundação Renova ( www.fundacaorenova.org) e se cadastrar para se tornarem potenciais fornecedores.

De acordo com Débora Michelassi, gerente de Suprimentos da Fundação Renova, a própria forma de construir as concorrências segue o ideal de permitir que empresas locais concorram em pé de igualdade com grandes corporações. “Para isso, os escopos das contratações são fracionados. Essa medida já beneficia o empresariado local, que se sente mais seguro em se candidatar a nos prestar o serviço solicitado”, explica.

Por meio do programa, a Fundação Renova pretende realizar, em 2018, a capacitação e desenvolvimento dos fornecedores por meio de treinamentos, palestras, seminários e workshops. Nesses eventos serão abordadas formas de integração entre as empresas, para a troca de experiências e realização de negócios entre si. Trata-se de uma parceria com SEBRAE, SENAC, associações comerciais e demais atores.

Incentivo para as empresas locais

A Fundação Renova também busca auxiliar o empresariado local disponibilizando linhas de créditos diferenciadas para alavancar os negócios com fomento de capital de giro. Por meio do Fundo Desenvolve Rio Doce, lançado em 2017, que visa financiar capital de giro de micro e pequenos empreendedores dos municípios atingidos pelo rompimento da barragem de Fundão, 27 empresas de Mariana já foram contempladas, com a liberação de R$ 626.703.

Sobre a Fundação Renova

A Fundação Renova é uma instituição autônoma e independente constituída para reparar os danos causados pelo rompimento da barragem de Fundão. Entidade privada, sem fins lucrativos, garante transparência, legitimidade e senso de urgência a um processo complexo e de longo prazo. A Fundação foi estabelecida por meio de um Termo de Transação e Ajustamento de Conduta (TTAC), assinado entre Samarco, suas acionistas, os governos federal e dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, além de uma série de autarquias, fundações e institutos (como Ibama, Instituto Chico Mendes, Agência Nacional de Águas, Instituto Estadual de Florestas, Funai, Secretarias de Meio Ambiente, dentre outros), em março de 2016.

 

Voltar