Suspeição de Mendes é protocolada

O deputado estadual Rogério Correia (PT) protocolou, na segunda-feira (23), no Ministério Público Federal, ofício à procuradora-geral da República, Raquel Dodge, solicitando que a PGR peça a suspeição do ministro do STF Gilmar Mendes nos inquéritos envolvendo o senador Aécio Neves (PSDB). Gilmar é relator de quatro inquéritos envolvendo o tucano no Supremo. Um relatório da Polícia Federal divulgado na semana passada revela que Aécio e um número registrado como sendo de Gilmar Mendes fizeram 46 ligações via WhatsApp entre fevereiro e maio deste ano.

O polêmico ministro Gilmar Mendes. Foto: Rosinei Coutinho/STF

Além disso, no dia em que Gilmar acatou o pedido da defesa de Aécio, o senador tentou ligar três vezes para o ministro e somente na quarta tentativa conseguiu contato, deixando nítida a violação do princípio da imparcialidade do julgador. "Há vários anos denuncio o senador Aécio Neves, desde que este era governador de Minas Gerais, entre 2003 e 2010", diz o deputado Rogério Correia. "Ele sempre escapou, e será blindado novamente no STF, se o ministro Gilmar mantiver-se em seu cargo".

Assessoria de Comunicação | Deputado Estadual Rogério Correia

Voltar